,
Categoria 1

Impressos Personalizados

Pegamos o exemplo da impressão digital, que até duas décadas atrás ainda era algo engessado, sem tantos recursos. Porém com o passar dos anos os equipamentos de impressão ganharam outro patamar, tornando a impressão algo menos custoso, com mais qualidade e com prazo de entrega cada vez mais reduzido. Também foram sendo agregados serviços de pós-impressão como acabamento, dobraduras, encadernação, colagem e efeitos.

Mas para que você compreenda um pouco melhor do segmento e seus atributos preparamos uma lista com alguns pontos importantes que irão ajudar você a tomar a decisão certa quando for pensar em trabalhar com impressão digital dentro de sua gráfica. Acompanhe:

Na gráfica digital o cliente tem a opção de impressão em baixas tiragens, o custo final dele se torna menor se comparado ao tempo em que ele tinha uma cota mínima operacional para rodar a impressão. Felizmente hoje isso não acontece mais, permitindo que empresas menores, pequenos empreendedores ou clientes que realmente vivem de baixas demandas, possam ser atendidos perfeitamente por uma gráfica digital por um custo justo e que caiba dentro de seus orçamento.

Impressos personalizados: graças aos recursos da impressão digital, pessoas e empresas dos mais variados segmentos têm recorrido ao serviço gráfico para personalizar, decorar e restaurar, seja  ambientes, superfícies, materiais e objetos, entre outras tantas coisas. A criatividade não tem limites e a variedade de impressões é vasta e abrange aplicações como os têxteis, a cerâmica, a pavimentação, os laminados, vidro, madeira, embalagens, produtos de eletrônica e até alguns materiais biomédicos. Os dados variáveis também são um excelente diferencial, tornando a impressão ainda mais pessoal e exclusiva.

Livros sob demanda: pequenos autores que possuem obras disponíveis apenas online, na versão de e-books, podem ter o gostinho de ver seus livros publicados em pequenas quantidades. Trabalhar com impressão digital pode tornar sua gráfica capaz de disponibilizar equipamentos que imprimem livros com tanta qualidade quanta as gráficas tradicionais. Além desta comodidade o autor ainda tem a vantagem de editar, revisar e ter um ganho percentual sob a obra maior do que quando é realizado através de uma editora, que geralmente negocia apenas 10 ou 15 por cento do lucro sobre cada unidade vendida. O custo e a preocupação com a logística e distribuição não acontecem, uma vez que a impressão ocorrerá numa tiragem pequena e conforme você desejar. Em um país onde há aproximadamente 90 milhões de leitores é bastante oportuna esta opção da impressão de obras sob demanda.

Prova digital: por questão de segurança e controle de qualidade, os clientes de uma gráfica digital tem a seu favor a oportunidade de realizar uma prova digital ou contratual para certificar-se da qualidade de que seu impresso final. Nesta prova são analisados a repetibilidade, reprodutibilidade e durabilidade do impresso. 

Evolução da impressão digital: para não ser somente uma extensão de uma gráfica offset, as gráficas digitais se regulamentaram e aderiram a normas e padrões de qualidade. Para atender este mercado competitivo e exigente, estes requisitos da norma ISO 15331 verificam os atributos de qualidade de impressão, cor, homogeneidade, resolução, e requisitos de permanência como estabilidade de luz em interiores e ao ar livre, estabilidade térmica e vida útil do impresso.

Em suma, os motivos para começar a trabalhar com impressão digital estão correlacionados com a sua visão, percepção e afinidade pelo ramo, somado à sua vontade em se aprimorar e usufruir dos recursos que a tecnologia nos viabiliza para progredir.

Este site utiliza Cookies/Local Storage para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Os dados são coletados de forma anônima e são utilizados exclusivamente neste site. Se você deseja saber mais sobre clique aqui.